Central Ópticas

CONJUNTIVITE

  • by: admin
  • Maio 24, 2019

Acordou com os olhos vermelhos como um vampiro e com comichão? Não entre em pânico! Provavelmente será uma conjuntivite.

Mas afinal o que é uma conjuntivite?

É uma inflamação da conjuntiva, uma membrana transparente que cobre o nosso globo ocular e o interior das pálpebras. Esta inflamação faz com que os vasos sanguíneos presentes nos olhos se dilatem, se encham de sangue e dê origem aos seguintes sintomas:

– Olhos vermelhos (parte branca do olho);

– Comichão;

– Excesso de lágrima e ramela;

– Pálpebras inchadas;

– Secreções;

– Sensação de visão embaciada;

– Intolerância à luz.

Se apresentar estes sintomas dirija-se a um especialista para haver um diagnóstico e tratamento correto.

A conjuntivite é contagiosa?

De facto a conjuntivite, à exceção da alergénica, é mesmo contagiosa sendo este contágio bastante fácil de se propagar, seja pelo toque, seja pelo espirro ou pela tosse. Se contraiu uma conjuntivite o aconselhado é evitar o contacto com outras pessoas, sobretudo nos primeiros dias.

Qual a origem da inflamação?

As principais origens das conjuntivites são bacterianas, virais e alergénicas.

conjuntivite bacteriana é provocada por uma bactéria que se instala nos olhos e se manifesta sobretudo pelo excesso de lágrima e secreções, deixando os olhos “colados” quando acordamos, e é tratada com o recurso a gotas/colírios com antibiótico.

conjuntivite viral normalmente afeta apenas um dos olhos e normalmente trata-se com recurso a lágrima artificial, colírios hidratantes ou pomadas/colírios antivirais.

conjuntivite alergénica é única não contagiosa e é susceptível a aparecimento por pessoas propensas a alergias (essencialmente pólen e pêlo dos animais) e pode estar presente num ou nos dois olhos, a qual é tratada normalmente por recurso a anti-histamínicos.

Contraiu uma conjuntivite? Eis os nossos conselhos:

Evite o contacto das mãos com os olhos, para não irritar mais o olho e para evitar fontes de contágio.

Lave as mãos com maior frequência inclusive após a aplicação de colírios ou pomadas.

Não partilhe toalhas ou almofadas.

Evite expor-se a fumo e a agentes alergénicos;

Não use lentes de contacto até que a conjuntivite passe;

Evite o uso de maquilhagem que envolva contacto com o olho.

Evitar expor-se ao excesso de iluminação.

Para mais informações dirija-se às lojas CENTRAL ÓPTICAS.

Ver localização das lojas

Deixe um comentário